4 de junho de 2019

Três Discos: BRVNKS, Céu de Vênus e astrocrushing


Com o propósito de divulgar mais bandas nacionais, periodicamente postamos três discos/EPs que são lançamentos. A ideia no início de tudo eram dez, depois passou pra cinco e agora pra três bandas selecionadas para integrar o post.

Até então foi feito duas postagens (veja aqui e aqui) contemplando seis bandas no total. Dando sequência a proposta cá temos mais três lançamentos nacionais pra audição: BRVNKS, Céu de Vênus e astrocrushing.

A Bruna Guimarães é mais conhecida como BRVNKS que surgiu em 2016 com o EP "Lanches" e três anos depois eis o esperado disco cheio. Chamado de "Morri de Raiva", o disco traz o indie-pop lo-fi de guitarra ensolarada e refrões pegajosos. Bruna trouxe para o disco um ótimo repertório emplacando, além das já conhecidas Don'tF.I.J.A.N.F.W.I.W.Y.T.B (Freedom Is Just A Name For What I Want You To Be), remanescentes do EP, hits como Yas Queen e I Hate All Of You.



A Céu de Vênus é uma banda de rock instrumental de Curitiba que chegou ao segundo disco de estúdio chamado "Por Todo o Inverno e a Primavera". Post-Rock e o Math-Rock são as duas principais vertentes da Céu de Vênus que confere distorção e incessante movimentação no disco. Não se surpreenda se de repente um gutural surgir em meio a essa avalanche sonora. O disco é mais um lançamento do selo Sinewave.



Low Rhahn é o sujeito pro trás do astrocrushing da Paraíba que chegou ao sexto disco solo chamado de "Turtlehead". Nele, Low nos leva a uma viagem psicodélica rumo ao espaço. O flerte com o post-punk, krautrock e dream-pop surgem como vias paralelas a psicodelia como se em cada arranjo houvesse um buraco que nos levasse a outra dimensão.



Confira lançamentos nacionais:
LITL, YMA e Assini (Clique Aqui)
George Belasco & O Cão Andaluz, Los Volks e OUSE (Clique Aqui)

Nenhum comentário:

Postar um comentário