27 de maio de 2019

Música Café Indica: Ping Pong Club


De se dar um nome clichê, legal, esquisito ou criativo a uma banda não há fim. Por vezes você encontra uma banda cujo nome se adéqua a um desses adjetivos embora isso não necessariamente se estenda a sonoridade apresentada.

Felizmente dá pra unir as duas coisas às vezes. É o caso da banda acima chamada Ping Pong Club. Ou podemos chamar carinhosamente de Tênis de Mesa Clube. Pois é! Tirando a parte engraçada (?) o quarteto Ping Pong Club é uma banda de indie-dream pop de Bandung na Indonésia. Quer dizer, como se não bastasse se deparar com um nome legal e uma sonoridade bacana, a origem da banda é outro chamariz!



Seus integrantes são: Hariz Lasa, Muhammad Rizky, Fasya Suryadini e Satrio Adi Nugroho. Esse ano eles lançaram seu debut chamado "Retrospective" com sete músicas que logo na primeira delas você já acha o som familiar e na segunda em diante você já passa a considerar a banda como o The Pains Of Being Pure At Heart da Indonésia.

Os vocais similares aos da banda americana tornam essa comparação ainda mais precisa. O indie pop sob efeitos eletrônicos possui sutis contornos ruidosos de guitarra em harmonia com baixo e bateria criando um ambiente ensolarado e contagiante. Nisso pitadas de Yo La Tengo aparecem como outra boa influência. É som pra ouvir e se deliciar!

Ouça: Retrospective, Skylight e Ecstatic

Nenhum comentário:

Postar um comentário