19 de junho de 2017

Resenha » Ride - Weather Diaries (2017)

Voltar a atividade depois de tanto tempo parado tem lá seus desafios. O ritmo talvez não sejam mais o mesmo e a força, disposição, pior ainda. Porém há nesses momentos a pura motivação de retomar as atividades e viver em um novo período atípico a seu tempo fervilhando de informações e tendências. Isso dá fôlego para tocar a ideia pra frente.

Para o Ride esse tempo de inatividade durou 20 anos desde que lançou o último disco, "Tarantula" (1996). Lançar algo inédito nos dias atuais onde tudo não se encontra como antes pode ter seus obstáculos a serem superados. Há ainda a exigência, consequência da experiência, de fazer algo relevante que valha toda a expectativa criada pelo retorno.

Daí que "Weather Diaries", quinto disco do grupo, sobrevive a todas as tendências atuais, do eletrônico ao pop, e se situa bem na linha do tempo em que se encontra sem a necessidade de se deslocar completamente pra chamar a atenção a si.



Dá pra dizer que o disco equilibra bem o passado e o presente. Logo no início em singles como Lanoy Point e All I Want riffs e ruídos tratam de criar a áurea shoegaze do grupo acompanhado de um refrão pop que funciona bem. A postura rockeira presente em Charm Assault contrasta com a melancolia de Home Is a Feeling e na faixa título em seguida. Rocket Silver Symphony, lembra um pouco Stone Roses, tem a cara de uma canção que envelheceu bem no tempo.

Um viés roqueiro mais explosivo é determinante em "Weather Diaries" e sentimos isso em Lateral Alice, que confere ao disco um volume mais denso com um baixo pulsante, e em Cali. Após a instrumental Integration Tape, o Ride finaliza o disco com duas canções, Impermanence e White Sands, de melancolia mais intensa expressa através do flutuante dream-pop e do corrosivo shoegaze.

O fato é, "Weather Diaries" soa perfeitamente bem em nossos dias cumprindo não somente o pressuposto de bloquear o frenesi de hoje, ainda que talvez haja alguma interferência, mínima de certo, mas também de proteger a essência da banda criada lá atrás.



http://www.musicacafe.com.br/p/lojinha-musica-cafe.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Copyright © Música Café
Editado Por Moisés Lima | Tecnologia do Blogger
    Facebook Twitter Tumblr Instagram LastFM