Resenha » Nick Cave And The Bad Seeds - Skeleton Tree (2016) | MÚSICA CAFÉ

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Resenha » Nick Cave And The Bad Seeds - Skeleton Tree (2016)

Uma das certezas que você vai ter esse ano é que o novo disco do Nick Cave aparecerá em muitas listas de Melhores Discos do Ano. "Skeleton Tree", décimo sexto álbum do músico com o grupo The Bad Seeds, é uma obra tocante que evoca toda a nossa sensibilidade para uma demonstração de empatia para com o músico que perdeu seu filho tragicamente ano passado enquanto o disco ainda estava sendo produzido.

A profunda melancolia vem mediante um instrumental sombrio que nos conduz pelas condolentes narrativas cantadas por Cave e sua aveludada voz que soam como consolo para si próprio e por extensão a nós. "Skeleton Tree" não traduz Cave lutando contra sentimentos de tristeza ou de sabotá-lo, ao contrário, é a aceitação dele como parte da vida e seus infortúnios, uma maneira louvável de lidar com isso. A diferença é que aqui ele transforma isso em um momento artístico/pessoal primoroso ativando a compaixão que há dentro de nós bem como a gratidão por ter feito algo tão belo.



O momento que mais parecer elucidar todo o sentimento de Nick Cave por trás disso é a faixa I Need You quando as palavras declaradas por ele parecem chorar com elegância ao cantar "eu preciso de você, em meu coração, eu preciso de você". Outro destaque é a faixa Skeleton Tree que encerra o álbum de forma sublime acalentando nosso coração após sentirmos o peso sentimental que o disco carrega.
 
Se na morte de alguém que amamos ficamos inquietos e desesperados compartilhando tamanha dor sem saber o que fazer ou o que dizer, Nick Cave nos ensina algo importante em seu disco: não diga nada, apenas sinta, abrace alguém e chore.



Um comentário:

Copyright © Música Café
Editado Por Moisés Lima | Tecnologia do Blogger
    Facebook Twitter Tumblr Instagram LastFM