10 de março de 2017

Música Café Indica: Tiny Hazard

Depois de um ano com algumas indicações tais como Kadhja Bonet, The Blessed Isles, Matt Bartram e Tiger Waves, vamos começar a seção Música Café Indica desse ano com uma debutante: a Tiny Hazard.

A banda de Brooklyn é um quinteto liderado pela vocalista Alena Spanger que traz na sua voz algumas similaridades com a Joanna Newsom e, a julgar pelo que conhecemos da Joanna, a Alena e companhia tem potencial para prender nossa atenção pelo seu som exótico.


O primeiro registro do grupo é um EP, homônimo, lançado ainda em 2012. O álbum cheio, "Greyland", só chegou em 24 de Fevereiro desse ano. Nele encontramos uma sonoridade que nos remete ao som experimental e psicodélico do Dirty Projectors. Aí temos mais um detalhe que aguça nossa curiosidade de conhecer o grupo.

Texturas e sobreposições sublinham o avant-pop que eles carregam em seu som junto aos vocais improvisados, quase teatrais, de Alena. Quem curte uma sonoridade experimental, mas que ainda soe pop pode gostar da Tiny Hazard.

Nenhum comentário:

Postar um comentário